O seu palpite (e os nossos) para o UFC 119

Share it

Mir, em foto de divulgação.

Neste sábado, dia 25, o Octagon vai ferver pela primeira vez em Indiana, nos Estados Unidos, com o UFC 119.

Frank Mir, duas vezes campeão na categoria peso pesada, enfrenta a lenda das artes marciais mistas Mirko Cro Crop. O baiano Rogério Minotouro pega a estrela em ascensão Ryan Bader. Ainda nesta edição, a revanche entre o ex-campeão dos meio-médios Matt Serra e Chris Lytle, nativo de Indianápolis. O evento será realizado na Conseco Fieldhouse em Indianápolis, Indiana.

No Brasil, o show será exibido ao vivo no Combate às 23h, e também em alta definição no Combate HD. Uma hora antes, o assinante do canal à la carte especializado em lutas da Globosat, confere o “Countdown to UFC 119”, programa que traz toda a preparação dos principais lutadores da noite.

Inicialmente, Frank Mir enfrentaria Rodrigo Minotauro na edição 119. Por causa de uma lesão no quadril, sofrida durante os treinos no mês passado, Minotauro foi substituído pelo croata Mirko Cro Cop.  “Eu estava muito motivado para lutar com Minotauro. Mas era alguma coisa que eu já tinha feito na edição 92. Se eu entrasse no Octagon e não o nocauteasse em sete minutos ou ganhasse na decisão dos jurados, para mim, seria como uma derrota”, disse Mir, que venceu o brasileiro em dezembro de 2008. “Com Cro Cop é algo totalmente novo. Eu fico intrigado com a idéia de se eu cometer um erro, a luta acaba”, completou Mir.

“Talvez Frank seja o melhor grappler do UFC hoje e, definitivamente, eu não vou testar a minha sorte no chão. Isso não é um segredo, é algo que todo mundo sabe, eu vou tentar manter o Frank em pé”, revelou o Cro Cop.

Conhecido pelas suas mãos pesadas e seu jogo mortal no solo, Rogério “Minotouro” Nogueira é perigoso em qualquer tipo de jogo. Em apenas 1min56s ele nocauteou Luiz Cane na sua estréia no UFC em novembro passado. Em maio deste ano, porém, teve atuação decepcionante e venceu Jason Brilz na decisão dividida, sob vaias. Agora, encara o seu adversário mais duro, o invicto meio pesado Ryan Bader. O lutador acumula quatro vitórias consecutivas desde que começou no UFC e vem de um nocaute contra o veterano Keith Jardine no UFC 110.

Matt Serra contra Chris Lytle é outra luta que promete. Os dois se enfrentaram no reality “The Ultimate Fighter 4”, em 2006 e, como eram companheiros de equipe, Serra e Lytle conheciam o jogo um do outro. Enfim, depois de quase quatro anos, os fãs poderão ver a revanche e checar o crescimento dos dois lutadores no MMA.

Nas lutas preliminares, o brasileiro Thiago Tavares volta a trilhar o caminho da vitória. Quando começou em 2007, obteve uma vitória espetacular contra Jason Black na sua segunda luta na organização e passou a ser chamado de Fenômeno. Depois de um ano fora do evento, enfrenta o estreante Pat Audinwood.

“Vou mostrar que no UFC estão os melhores do mundo. Quem chegar vai ter que perder dos veteranos”, disse o brasileiro.

UFC 119

Indianápolis, Indiana, EUA

Sábado, 25 de setembro de 2010


Frank Mir X Mirko Cro Crop

Ryan Bader X Rogério Minotouro

Matt Serra e Chris Lytle

Sean Sherk X Evan Dunham

Melvin Guillard X Jeremy Stephens

Card Preliminar (não haverá transmissão ao vivo)

CB Dollaway X Joe Doerksen

Matt Mitrione X Joey Beltran

Thiago Tavares X Pat Audinwood

Steve Lopez X Waylon Lowe

TJ Grant X Julio Paulino

Mark Hunt X Sean Mccorkle

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. Marcelo Dunlop at 1:27 pm

    Vamos lá, meus palpites:

    Frank Mir vence Mirko Cro Crop

    Rogério Minotouro vence Ryan Bader

    Matt Serra vence Chris Lytle

    Sean Sherk vence Evan Dunham

    Melvin Guillard vence Jeremy Stephens

    Joe Doerksen vence CB Dollaway

    Joey Beltran vence Matt Mitrione

    Thiago Tavares vence Pat Audinwood

    Steve Lopez vence Waylon Lowe

    TJ Grant vence Julio Paulino

    Mark Hunt vence Sean Mccorkle.

  2. gustavo at 3:06 pm

    Não se pode mais dar palpite em algo que é vendido como o UFC, Dana White é quem diz quem ganha, quem perde, e como se ganha ou como se perde.
    A luta de Anderson Silva contra Sonnen mostrou isso claramente.

  3. Mandibula at 9:10 am

    Pelo jeito o Gustavo deveria acessar o site da revista Vogue e não da Graciemag depois de um comentário ridículo desses.

    Frank Mir x CroCop – Frank Mir leva, mas torço pro Crocop
    Ryan Bader x Minotouro – Bader está rápido, voando baixo, mas torcida eterna pro Minoto
    Matt Serra e Sean Shark vencem.

Deixe uma resposta para dann thomas malocka Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *