UFN: Bronx finaliza bonito e Marquardt vence em bobeira de Toquinho

Share it

Charles comemora. Foto: Josh Hedges.

O UFC Fight Night 22 trouxe bons combates no Texas, nesta quarta-feira. Entre os destaques da noite, o nocaute de Nate Marquardt depois de um erro imperdoável de Rousimar Toquinho. Já Charles do Bronx surpreendeu mais uma vez e provou que se sente em casa no octagon (saiba o que houve com Toquinho clicando aqui).

Nate Marquardt x Rousimar Palhares

Luta com final inusitado a entre Nate Marquardt e Rousimar Toquinho. Depois de muito estudo, Toquinho conseguiu quedar e logo trabalhou seu Jiu-Jitsu. Encaixou uma chave de calcanhar, mas Nate escapou do golpe. Neste momento, o descuido fatal. Toquinho desviou a atenção, reclamando de algo. O oponente não perdoou a desatenção e mergulhou com um soco. Alguns golpes depois, só restou ao juiz Herb Dean interromper.

Efrain Escudero x Charles “do Bronx” Oliveira

Ainda na segunda luta no UFC, Charles do Bronx se apresentou como um veterano. Contra o favorito Efrain Escudero, campeão do reality show “The Ultimate Fighter”, o faixa marrom de Jiu-Jitsu dominou. Prova de que está com a trocação afiada, ganhou o centro do octagon com bons chutes, socos e joelhadas. As quedas também estão em dia, tendo derrubado Escudero em duas oportunidades. Mas o jiu-Jitsu entrou novamente em cena. No terceiro round, Charles grampeou as costas e finalizou Escudero em pé, no estrangulamento.

Jim Miller x Gleison Tibau

Nos dois primeiros rounds, Tibau conseguiu derrubar. Entretanto, com a luta no solo, o faixa-preta não conseguiu ser efetivo. Já Miller, que preferiu o combate em pé, conectou bons socos nas duas primeiras parciais. Um direto de canhota no segundo round fez o oponente sentir. O terceiro round foi parelho, sem grandes emoções e, ao termino da disputa, os jurados optaram por Jim Miller, em decisão unânime.

Ross Pearson x Cole Miller

Ao lado do faixa-preta Marcus Parrumpinha, treinador da ATT, Cole Miller dava toda a pinta de que o Jiu-Jitsu seria o caminho, usando kimono e faixa-roxa. O inglês Ross Pearson bem que tentou evitar o chão, mas, depois de uma dura sequência de socos, acabou derrubado. O erro foi virar de quatro apoios. Miller tratou de pegar as costas e usou com competência sua principal habilidade. Finalizou com um mata-leão, na primeira parcial.

Nas lutas preliminares, Rich Attonito não bobeou e bateu Rafael Sapo por decisão unânime. Do mesmo jeito, Anthony Waldburger, Dave Branch, Kyle Kingsbury e Yves Edwards venceram os seus combates. Já Brian Foster venceu Forrest Petz por nocaute técnico, em apenas 1min7s de luta.

Confira todos os resultados:

UFN 22
Austin, Texas
15 de setembro

Nate Marquardt x Rousimar Palhares
Charles Oliveira finalizou Efrain Escudero com um mata-leão aos 2min25s do R3
Jim Miller venceu Gleison Tibau por decisão unânime
Cole Miller finalizou Ross Pearson xcom um mata-leão a 1min49s do R1
Yves Edwards venceu John Gunderson Jared Hamman por decisão
Kyle Kingsbury venceu Jared Hamman por decisão unânime
Dave Branch venceu Tomasz Drwal por decisão unânime
Rich Attonito venceu Rafael Natal por decisão unânime
Anthony “T.J.” Waldburger venceu David Mitchell por decisão unânime
Brian Foster venceu Forrest Petz por TKO aos 1min7s do R1

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *