UFC 118: Edgar mantém o título; Couture e Demian também vencem

Share it

A edição de número 118 do UFC definiu o próximo confronto pelo cinturão de leves da organização, neste sábado, em Boston. Com o segundo triunfo contra BJ Penn, Frankie Edgar agora encara Gray Maynard, que bateu Kenny Florian. Randy Couture, Demian Maia e Nate Diaz também foram bem. Confira os resultados e análises:

Frankie Edgar x BJ Penn

Frankie Edgar tirou qualquer dúvida sobre a sua condição como campeão de leves do UFC. Na revanche contra BJ Penn, dessa vez o faixa-roxa de Ricardo Cachorrão venceu de forma incontestável. Dominou os cinco rounds, quando encaixou os melhores golpes na trocação, conseguiu boas quedas e trabalhou bem no ground and pound. Ao final da disputa contra um BJ apático, Frankie teve êxito na primeira defesa de título por decisão unânime. Agora terá pela frente o responsável pela sua única derrota, Gray Maynard, que venceu Kenny Florian na mesma noite.

Randy Couture x James Toney

No desafio entre o grande campeão de MMA e o de boxe, melhor para Randy Couture. O ex-campeão de duas categorias do UFC (pesado e meio-pesado), com 47 anos de idade, não deu mole para a fera do pugilismo James Toney. Evitou os riscos na trocação e quedou rapidamente. Depois montou, socou e  apertou no katagatami. Ao estreante Toney só restou dar os três tapinhas e desistir.

Demian Maia x Mario Miranda

Do corner adversário, Demian Maia podia escutar os gritos de seu último algoz, Anderson Silva, um tempero a mais para o combate. Mas o campeão de Jiu-Jitsu não teve tantas dificuldades para surpreender Mario Miranda, apesar das instruções contra do desafeto. Com o wrestling em dia, quedou em muitas oportunidades e trabalhou bem no chão. Pegou as costas e conseguiu montar algumas vezes, só faltou a finalização, sempre defendida pelo escorregadio oponente.

Kenny Florian x Gray Maynard

Frio, calculista e também burocrático, Gray Maynard é no novo desafiante pelo cinturão de leves do UFC. A sétima vitória seguida por decisão foi com a principal característica: o wrestling. Maynard quedou Kenny Florian nos três rounds e trabalhou bem por cima. Controlou a luta com precisão, mas sem emoção. No entanto, nada que diminua a campanha perfeita do lutador, invicto em 11 lutas, nove delas no Ultimate. O próximo adversário Maynard ficou sabendo logo depois, na definição da categoria de leves entre Frankie Edgar e BJ Penn.

Nate Diaz x Marcus Davis

O combate começou a mil, com provocação de Nate Diaz e muita troca de socos. Ainda no round inicial, Diaz conseguiu abrir um corte no supercílio direito de Marcus Davis, ferimento que piorou bastante nos assaltos seguintes. Na terceira parcial, com o olho bem inchado, Davis sofreu uma queda. Por cima, Diaz apertou na guilhotina até o árbitro separar, com Davis apagado.

Na primeira luta do evento, Mike Pierce e Amilcar Alves combateram por quase rodos os três rounds, mas Pierce acabou levando a melhor com um armlock.

Confira todos os resultados:

UFC 118

Boston, Massachusetts, EUA

Dia 28 de agosto de 2010

Frankie Edgar venceu BJ Penn por decisão unânime
Randy Couture finalizou James Toney com um katagatami aos 3min19s do R1
Demian Maia venceu Mario Miranda por decisão unânime
Gray Maynard venceu Kenny Florian por decisão unânime
Nate Diazfinalizou Marcus Davis com uma guilhotina aos 4min2s do R3
Joe Lauzon finalizou Gabe Ruediger com uma chave de braço aos 2min1s do R2
Nik Lentz venceu Andre Winner por decisão unânime
Dan Miller finalizou John Salter com um triângulo de braço aos 1mi53s do R2
Greg Soto venceu Nick Osipczak por decisão unânime
Mike Pierce finalizou Almicar Alves com um armlock aos 3min11s do R3

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *