Um papo sobre preparação física para Jiu-Jitsu

Share it

Foto: divulgação

Edson Ramalho hoje é o responsável pela preparação física da Alliance, mas também já trabalhou diretamente com atletas de ponta de outras equipes como Rafael Mendes, André Galvão e Bruno Frazatto, entre outros. O treinador colabora na reportagem “60 dicas para o seu corpo funcionar melhor”, na GRACIEMAG #162, em todas as bancas. No GRACIEMAG.com, Ramalho passa a sua visão em algumas questões da preparação física.    

“Desde que comecei com o André Galvão, em 2007, percebi que os atletas com grande qualidade técnica conseguem algo a mais com a preparação. Melhorar a força para a movimentação, fazer a força resistir por mais tempo… Com a preparação, interferimos positivamente na técnica. Gabi Garcia, por exemplo, já tinha a técnica aprimorada e com um trabalho correto conseguimos que ela ficasse mais veloz”, comenta. 

“Acredito ser importante trabalhar além das particularidades da modalidade. Cada esporte tem a sua particularidade, mas cada atleta também tem a sua. O Rafael Mendes, por exemplo, era muito explosivo, mas precisava de força. Fizemos um treinamento voltado para isso e surtiu resultado no ADCC. A particularidade do esporte com a do atleta é o princípio para o trabalho de preparação. Claro, também é necessário consultar um médico e fazer alguns exames. Atingimos frequências cardíacas muito altas no treinamento, não é brincadeira não”, indica o treinador.

Foto: divulgação

Outro cuidado é não passar da conta nos treinamentos, atingir o overtraining, um assunto muito debatido entre os especialistas em preparação.     

“Procuro acompanhar mais a freqüência cardíaca e o ritmo de treino do atleta. Existem também maneiras de colher algumas análises, através, por exemplo, do nível de lactato e com exames de saliva. Vamos trazer um especialista em fisiologia da USP que levanta uma pesquisa muito interessante sobre isso, até com amostras durante o treino e campeonato. No campeonato o estresse aumenta muito. Isso ajuda a traçar um linear e ver se o atleta está crescendo”, encerra.

Ler matéria completa Read more
There are 6 comments for this article
  1. joao at 5:50 pm

    parabens pela materia deste mes, ainda temos que nos adptar a preparacao fisica, parabens essa gabi garcia quer sempre burcar algo novo, vai da trabalho

  2. Edson Ramalho at 1:37 am

    Oi Galera, só para esclarecer algumas dúvidas, conheci o Thiago Mendes através do André Galvão e do Ramon Lemos que me solicitaram para dar uma consultoria na preparação física da equipe Athos que estava sendo criada e o preparador físico Thiago Mendes foi indicado por eles para me acompanhar e desenvolver a periodização que elaborei, sendo mais tarde o melhor prof. que passou pelos meus cursos tendo total respaldo meu para desenvolver meu método de Treinamento Funcional de Resultados® e juntos temos realizado grandes evoluções no meu método de preparação juntos, os resultados comprovam eu e ele estamos no pódio nos eventos mais importantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *