A última GRACIEMAG, a última NOCAUTE

Share it

Se o leitor der a sorte de encontrar as disputadas edições de GRACIEMAG e NOCAUTE nas bancas, ou mesmo nas mãos de algum colega, a dica é fazer tudo para adquiri-las e levar para a casa.

Sim, porque a GRACIEMAG e a NOCAUTE que estão nas bancas (se é que você já não papou mosca) vão virar itens de colecionador.

Por uma razão: os dois veículos da Editora Gracie vão mudar. E você não perde por esperar nas bancas, quando setembro chegar.

“Lançamos a GRACIE Magazine em 1996 como um produto melhorado do nosso ‘Jornal Gracie’. De lá para cá, o formato da revista mudou diversas vezes, inclusive o nome, já que hoje a chamamos simplesmente de GRACIEMAG”, diz nosso diretor Luca Atalla, em entrevista publicada hoje no site KombatClinic.com.

“Em 2006, a revista se tornou bilíngue (com textos em português e inglês), de modo a facilitar a exportação para o mercado internacional. Mas agora mudou. Em primeira mão, informo que a edição internacional de GRACIEMAG será publicada apenas em inglês, e a edição brasileira apenas em português”, conta Luca.

Você pensa que acabou por aí?

Nada. A NOCAUTE a partir do mês que vem poderá ser lida pelo público que fala inglês. “Sim, nossa edição internacional de GRACIEMAG vai trazer encartado a nova CHOKE MMA, a versão em inglês de nossa tradicional NOCAUTE (hoje na edição 90)”, divulga Luca Atalla.

A primeira edição de NOCAUTE, e a capa da CHOKE MMA número 1.

Assim, garanta hoje mesmo a sua GRACIEMAG e sua NOCAUTE. São as últimas edições antes de uma mudança que vai fazer você vibrar nas bancas em setembro, leitor!

Para ler a entrevista completa de nosso editor (em inglês), clique aqui.

Ler matéria completa Read more
There are 18 comments for this article
  1. jiu jitsu at 1:07 am

    Nao gostei da idéia, eu acho a revista muito boa e não vejo necessidade de mudanças e sem contar que ainda trabalhava meu ingles, mas beleza ja garanti meus exemplares.

    • Marcelo Dunlop at 12:22 pm

      Anotada a sugestão das técnicas, Gilberto! Quanto ao “bilinguismo”, a coisa foi toda pensada. Você não vai se arrepender com a novidade!

  2. little at 12:11 pm

    Achei uma boa não ser mais em duas linguas. Ocupava muito espaço na página que agora pode ter mais texto, matérias e fotos. Louco para ver a nova Gracie!!!

  3. isaias at 1:23 pm

    Provavelmente foram mudanças em tom de mercado. No Brasil talves a versão bilingue tenha pouca atração pois não deve haver leitores interessados em aprender ou aprimorar o conhecimento do inglês (eu uso a revista nas minhas aulas ha 2 anos). Acho que as vezes a GraciMag da muito espaço para fotos de lideres, idolos da “casa”, o espaço usado em inglês não vejo como comprometedor. Penso como leigo que sou, que materias tipo , comparar “Kelly Slater com Saulo Ribeiro” e recemente o “mestre Helio Gracie com Pele” parecem simplesmente risiveis kkk
    Noto que uma massa de admiradores e praticantes da arte suave não tem plano de saude dai o papel dum colunista de saude, ortopedista,etc mesmo com reservas, seria de grande valia para a GracieMag! Acho que a GracieMag deveria manter o foco no JJ e não no MMA em geral. Ainda o MMA pode comprometer a imagem do JJ em termos de popularização e orientação olimpica. Novos tempos virão mas hoje é essa imagem que o povo tem. Sucesso!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *