Com o feito no Rio, Bastos quer Chicago e Honolulu Open

Share it

Bruno Bastos em foto de Gustavo Aragão

Depois de subir no pódio no Rio International Open e no Internacional de Masters, competições que aconteceram simultaneamente no Rio de Janeiro, em julho, Bruno Bastos se prepara para novos desafios.

“Estou aqui em Dallas novamente e começarei a me preparar para o Chicago Open. Estou dentro desse evento, com certeza, e espero apenas a confirmação para me garantir também no Honolulu Open. Levarei alguns alunos comigo e estamos nos planejando também para mais duas competições, o Nacional de Jiu-Jitsu e o Mundial sem kimono”, conta Brunão.

O Chicago Open acontece no dia 22 de agosto e o Honolulu Open no dia 4 de setembro. Para essas competições, Bruno vai com gás a mais depois da campanha inédita no Rio de Janeiro.

“Pesquisei no site da IBJJF e percebi que fui o primeiro faixa-preta a medalhar ao mesmo tempo no Internacional de Masters e Rio Open. Fiquei em segundo no Rio Open e em primeiro no Internacional. Meu primo, André Bastos, também conseguiu, mas ele ficou em terceiro no Open e segundo no Masters. Queria ter disputado os absolutos também e ter conquistado quatro medalhas. Mas foram muitas lutas e não consegui. Estava lutando na categoria e, quando via, o absoluto já estava rolando”, fala ele, que também comenta a maior dificuldade:

“Foi muito cansativo. Até li o Eduardo Telles dizer isso numa entrevista ao GRACIEMAG.com. Ele tentou no ano passado o mesmo e falou que foi muito desgastante. Fiz cinco lutas de master no sábado e, quando fui lutar a categoria do Rio Open, no domingo, estava todo quebrado. Mas valeu a pena”, encerra.

Para se inscrever no Chicago Open clique aqui.

Para se inscrever no Honolulu Open clique aqui.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *