Campeão absoluto no Arizona comenta vitória

Share it

Marcelo Nunes, 21 anos, nasceu em Itu, São Paulo. O faixa-marrom da equipe de Robert Drysdale no entanto foi conquistar seu título mais importante longe de casa, no cada vez mais prestigiado Arizona BJJ State Championship 2010, torneio de Gustavo Dantas ocorrido no último fim de semana.

Campeão superpesado e absoluto, Nunes, que é radicado em Las Vegas, Nevada, conversou com o GRACIEMAG.com sobre sua vitória perfeita: finalizou todos os oponentes e não tomou um ponto sequer.

Como foi vencer o Arizona State, atualmente um dos campeonatos mais prestigiado nos EUA?
Eu treino pesado com o Robert Drysdale, e tenho tido treinos muito bons em Las Vegas. O campeonato no Arizona estava alto nível, muito bem organizado, com muitos caras duros competindo. Consegui lutar bem, finalizei todos os meus adversários e não tomei nenhum ponto. Estou treinando muito, meu foco agora é treinar bastante para chegar forte no Mundial do ano que vem. Estou me preparando para isso.

Mas você vai lutar o Mundial 2011 já de faixa-preta?
Aí é o professor Drysdale quem decide. Ele me conhece, e vai decidir o melhor caminho para mim. Se achar que eu devo ir de marrom, vou de marrom. Se me der a preta vou com a mesma confiança, vou estar preparado para lutar em qualquer uma das faixas. O sonho de todo atleta que treina Jiu-Jitsu é colocar a faixa-preta na cintura. Mas tem de dar tempo ao tempo, não adianta dar um passo maior que a perna. Sei que é difícil estrear no Mundial de preta e conseguir subir no pódio: é outro nivel, conta a experiência, os outros campeonatos. Ninguém vai ser campeão mundial sem lutar campeonatos menores. Experiência conta muito.

Como você avalia o Jiu-Jitsu no Arizona e nos EUA hoje?
Antigamente existia a visão de que nos Estados Unidos era fácil competir, que não havia tantos bons professores, que os atletas não estavam tão preparados. Hoje existem ótimos professores nos EUA, e o Jiu-Jitsu está evoluindo muito. Cada dia que passa os americanos estão melhores.

Você pretende ficar pelos EUA, dando aula e treinando?
Vou ficar aqui até novembro treinando Jiu-Jitsu e MMA e dando aula na academia do Robert Drysdale em Las Vegas, e então volto ao Brasil por dois meses para resolver algumas coisas. Depois volto para cá de novo para me preparar para o Mundial do ano que vem.

Quais são seus planos para o futuro?
Pretendo treinar bastante para competir no que aparecer, e então quero lutar MMA. Quero fazer minha estreia no MMA daqui a mais ou menos um ano. Acho que o Jiu-Jitsu nos traz o caminho, e o MMA traz o dinheiro, especialmente nos EUA. Aqui a parada é MMA.

Como você planeja essa transição do Jiu-Jitsu para o MMA?
Eu venho treinando bastante boxe. Pretendo pegar a faixa-preta, competir por um tempo e depois acho que vou largar o kimono. A ideia é treinar muito sem kimono e então lutar MMA.

Ler matéria completa Read more
There are 5 comments for this article
  1. Anderson Luis at 11:01 pm

    Parabéns Marcelo vc merece cada vitória,e eu tbm já sabia q vc ia da trabalho pros gringos……..rsrsrsrs PORRADA NELES

  2. jonathan at 11:55 am

    PARABENS IRMAO, É ISSO PREPARAR MUITO E COMPETIR MUITO MESMO. VOCE TEM UM DOM E É VENCEDOR MUITA FORÇA PRA VO TA SEUS IRMAO

Deixe uma resposta para Rosana Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *