Mandarina: “Venceria o Cristiano Marcello de qualquer maneira”

Share it

Mandarina contra Cristiano Marcello. Foto: Carlos Ozório

A luta entre o lutador da Costa Rica Alejandro “Mandarina” Solano e Cristiano Marcello trouxe muita polêmica no Bitetti Combat 7. Enquanto Mandarina crê que mereceu a vitória, Cristiano acredita que o árbitro errou e interrompeu o combate precipitadamente (ver aqui).   

“O árbitro teve a atitude correta, porque se ele não parasse ali, a luta acabaria de qualquer maneira. Mesmo que não fosse no segundo round, viria com tudo para o terceiro. A vitória já estava encaminhada”, diz o lutador, contente pela apresentação no Brasil. 

“Para mim é um sonho lutar no Brasil, onde nasceu o MMA para o mundo. O Bitetti Combat tem grande exposição no mercado internacional e acredito que foi uma grande oportunidade de mostrar o meu trabalho. Espero um novo convite do Amaury Bitetti.” 

Apesar de ter 14 vitórias e quatro derrotas, Mandarina não era muito conhecido aqui no Brasil. Ele se apresenta: 

“Sou um lutador clássico de muay thai e faixa-roxa de Jiu-Jitsu da equipe Carlson Gracie, aluno do Sidnei Machado. Sou o maior atleta de MMA da Costa Rica. Na América, depois dos Estados Unidos, o Brasil tem os maiores eventos e, depois, vem a Costa Rica. Temos muito praticantes lá, o público adora e o nosso grande evento lá é o Fite Nite.” 

“Agradeço a todo o povo da Costa Rica, ao povo brasileiro e aos empresários Paloma Fabrykant e Fred Fontes pela oportunidade”, finaliza.  

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *