UFC 114: Rashad vai encarar Shogun

Share it

Aconteceu neste sábado, em Las Vegas, o UFC 114. Com a presença de astros como o jogador da NBA Tim Duncan, do pugilista Mike Tyson e do rapper Snoop Dogg, o ex-campeão Rashad Evans eliminou o desafeto Quinton Jackson na corrida pelo cinturão de meio-pesados. Os dois se estranham desde as gravações do reality show “The Ultimate Fighter”, mas Evans levou a melhor e poderá lutar pelo título. Em outras lutas aguardadas, Rogério Minotouro venceu a segunda no UFC e o inglês Michael Bisping se recuperou do revés para Wanderlei Silva. Mostrando a força da Inglaterra no MMA, John Hathaway não deu chances ao favorito Diego Sanchez.

Confira abaixo os resultados e as análises dos principais combates:  

Rashad Evans x Quinton “Rampage” Jackson

Foto: Josh Hedges

Nos primeiros 30 segundos, Rashad Evans já mostrou a que veio com um forte soco que abalou Quinton Jackson. Mas a luta, que começou quente, foi dar grandes emoções apenas round derradeiro. Rampage era controlado por Rashad, quando acertou uma boa sequência de socos e derrubou o oponente. Rashad conseguiu se recuperar e retribuiu com uma queda para depois trabalhar no ground and pound. A vitória por decisão unânime credencia o americano a encarar Maurício Shogun, pelo título de meio-pesados.  

Michael Bisping x Dan Miller

Numa luta sem grandes emoções, Michael Bisping controlou com tranqüilidade Dan Miller nos três rounds. O combate foi todo na trocação e o inglês conectou os melhores golpes. Ao final, Bisping se recuperou da derrota para Wanderlei Silva por decisão unânime.  

Todd Duffee x Mike Russow  

Protagonista do nocaute mais rápido na história do UFC (7 segundos), Todd Duffee provou um pouco do próprio remédio contra Mike Russow. Depois de quase definir no assalto inicial, Duffee passou a administrar o combate. Mas o gordinho Russow surpreendeu no terceiro round. Depois de um soco cruzado, viu Duffee cair nocauteado.   

Rogério Minotouro x Jason Brilz

Foto: Josh Hedges

Quem achava que Rogério Minotouro teria moleza na luta contra Jason Brilz se enganou. O baiano teve que suar para bater o oponente. Depois de um primeiro round parelho, em que Minotouro foi quedado, mas raspou e foi mais ofensivo na trocação,  Brilz apertou com tudo na guilhotina na segunda parcial. Minoto conseguiu se soltar, mas também sofreu duros golpes na trocação. No assalto final, acabou o gás do americano e o brasileiro trabalhou bem no chão com raspagens, por cima e num crucifixo, em que prendeu os braços do oponente com as pernas e soltou golpes no rosto. A decisão dividida  a favor de Minoto desagradou o público, que torcia para Brilz.

John Hathaway x Diego Sanchez

Invicto no MMA, John Hathaway passou bem pelo primeiro grande teste no UFC. Contra Diego Sanchez, que voltou a lutar no peso meio-médio, o inglês acertou uma joelhada de encontro no primeiro assalto e quase nocauteou no ground and pound. Nas etapas seguintes, Hathaway foi melhor na trocação e soube conter Sanchez nos minutos finais. Merecida vitória por decisão unânime.   

Lutas preliminares

Nos combates de abertura do UFC 114,  Ryan Jensen não deu bobeira e tratou de finalizar Jesse Forbes com uma guilhotina logo no primeiro round.  Luis Banha acabou perdendo a segunda seguida na organização, nocauteado por Cyrille Diabate. Já Melvin Guillard segue vencendo com uma joelhada que nocauteou Waylon Lowe no assalto inicial.  

Todos os resultados: 

UFC 114

Las Vegas, Estados Unidos

Dia 29 de maio de 2010

Rashad Evans venceu Quinton “Rampage” Jackson por decisão unânime  

Michael Bisping venceu Dan Miller por decisão unânime

Mike Russow venceu Todd Duffee  por KO aos 2min32s do R3

Rogério Nogueira venceu Jason Brilz por decisão uânime

John Hathaway venceu Diego Sanchez por decisão unânime

 Dong Hyun Kim venceu Amir Sadollah por decisão unânime

 Efrain Escudero venceu Dan Lauzon  por decisão unânime

Melvin Guillard venceu Waylon Lowe por TKO aos 3min28s do R1

 Cyrille Diabate venceu Luiz Cane por TKO aos 2min13s do R1 

Aaron Riley venceu Joe Brammer por decisão unânime  

Ryan Jensen finalizou Jesse Forbes com uma guilhotina aos 1min6s do R1

Ler matéria completa Read more
There are 5 comments for this article
  1. marcus vinicius mendes at 12:38 am

    isso brasileiros continuem assim negando as origens e achando q o futuro do MMA é boxear, botar pra baixo e bater…… é isso q os gringos querem!!!! NÃO treinem mais jiu jitsu, né?! pra q? NÃO serve pro vale tudo, né?!…….. basta ver o exemplo do grande e lendário MINOTAURO no UFC e agora essa lutinha q o minotouro fez……. NÃO treinem jiu jitsu, treinem só boxe mesmo, vcs vão longe…. mas é longe mesmo…. LONGE do cinturão!!!!!!!!!

    atentem pra isso e voltem a fazer o jogo de chão q consagraram vcs no mundo das lutas!!!!

  2. ALEXSANDRO at 9:08 pm

    A ELES TEM COMO OBRIGAÇAO DAR ESPETACULO POIS SAO MUITO BEM PAGOS PARA ISSO
    ME PAGEM A METADE E EU SUBO COM QUALQUER UM E DAREI SHOW TAMBEM SUMO JIU JITSUMMA

  3. Roberson pandarco at 2:35 pm

    sou fã do Rashad evans .. esse cara tem uma humildade sem comparação … por isso que demostra nas lutas categoria e vitórias lendaria …. agora ca pra nois minotoro precisa se levantar por que a coisa to ficando feia em caraca sem forma corporal ele tem ve só essas fotos ai em cima parece até uma vôvõ
    abraço galera .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *