Disputa de cinturão e homenagem a Luiz Alves no Shooto

Share it

Bananada (direita) e Giovanni levantaram a torcida. Foto: Carlos Ozório

Ao fim da disputa de cinturão, entre Paulo Bananada e Giovanni Diniz, o promotor do evento, André Pederneiras, sobe ao ringue e anuncia o falecimento do mestre Luiz Alves. Árbitro central, Johnny Eduardo, pupilo de Alves na Boxe Thai, se emociona. Foram anos dedicados à luta que marcaram a vida de Luiz e, mais que o um minuto de silêncio no teatro da Faculdade Bennett, no Rio de Janeiro, a maior homenagem ao guerreiro foi realmente os combates de mais uma edição do Shooto Brasil. 

Vale o título 

Paulo Bananada e Giovanni Diniz, treinador de boxe da Nova União, já haviam se enfrentado. Diniz venceu, mas Bananada não concordou com o resultado. Dessa vez, a luta valia o cinturão e quem levou a melhor foi o antes derrotado. Enquanto Giovanni tentava aplicar a trocação, Bananada encurtava o espaço e tratava de quedar. Ao chão, trabalhou por cima. No segundo assalto houve momentos de troca de socos franca, quando a torcida foi ao delírio. Na etapa final, Bananada apenas ouvia o treinador Tatá Duarte aos gritos: “Pelo seu filho”, dizia. O lutador conseguiu novamente quedar, mas, dessa vez, montou e pegou as costas para garantir a vitória por decisão unânime e, claro, o cinturão sul-americano do Shooto. 

Muito muay thai na luta de Chiquerim. Foto: Carlos Ozório

Rumo ao Japão 

Campeão mundial do Shooto, Willamy Chiquerim contou com um presente ingrato. O adversário Mikael Lahdesmak, lutador do Shooto na Finlândia, era uma pedreira. A luta foi logo após o anúncio da morte de Luiz Alves e, como se fosse uma homenagem, foi puro muay thai do início ao fim. Nos três rounds, Chiquerim foi sempre para a frente. Apesar de o adversário responder, o brasileiro encaixou os melhores golpes e conquistou a vitória por decisão unânime. Agora Chiquerim se prepara para defender o título mundial do Shooto, no dia 30 de maio, contra Yusuke Endo. E, depois disso, como contou em primeira mão ao GRACIEMAG.com, combate no Sengoku.  

Vitórias estrangeiras 

Dois lutadores internacionais que estiveram em ação saíram vitoriosos na casa dos adversários. Da Espanha, Miguel Duran dominou na trocação, caiu por cima e socou Rafael Farias, que sentiu a costela e acabou desistindo aos 3min40s. Irreverente, ficou rebolando no ringue enquanto comemorava. Já o americano Rick Musgrave foi com tudo para cima na trocação. No segundo round, ao chão, montou em Leandro Paulista e socou até a interrupção, aos 3min32s. 

Outras lutas 

Aquiles Campos e Diogo Cruz fizeram um combate bem movimentado. O jovem Diogo deu trabalho e apertou num triângulo, mas o triunfo foi para Aquiles por decisão unânime. Fabiano Jacarezinho estava com o Jiu-Jitsu afiado e trabalhou bem ao chão, onde abriu vantagem e bateu Jamil Silveira. Fernando Bruno foi quem definiu mais rápido, com uma guilhotina em 1min35s contra o xará Fernando Peixeiro. Otto Rdrigo usou as quedas e o chão para deter Felipe Lopes por decisão unânime. 

Confira todos os resultados:

Shooto Brasil

19 de março de 2010

Faculdade Bennett, Rio de Janeiro

 

Paulo Bananada venceu Giovanni Diniz por decisão unânime

Willamy Chiquerim venceu Mikael Lahdesmak por decisão unânime

Miguel Duran venceu Rafael Farias por TKO aos 3min40s do R1

Rick Musgrave venceu Leandro Paulista por TKO aos 3min32s do R2

Aquiles Camps venceu Diogo Cruz por decisão unânime

Fabiano Jacarezinho venceu Jamil Silveira por decisão unânime

Fernando Bruno finalizou Fernando Peixeiro com uma guilhotina a  1min35s do R1

Otto Rodrigo venceu Felipe Lopes por decisão unânime     

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. nick at 10:41 am

    Essa vitória do paulo bananada foi mais do que merecidaa..!
    o garoto ée muito phOdaa..!
    paulo bananada mete a porrada,mete a porrada..!

  2. Dom at 10:49 am

    Cada um tem o que merece, e por isso, eu tenho certeza de que você está apenas começando com as suas VITÓRIAS!!! UM CAMPEÃO DENTRO E FORA DOS RINGS! PARABÉNS BANANADA!!!!!!

  3. Robinho JJ Big Fight at 2:00 pm

    Essa Vitoria foi mais que merecida parabens meu irmão paulinho essa é so mais entre muitas outras que virão vc é o orgulho do nosso time e da nossa comunidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *