Preso menor que matou Marco Jara

Share it

Marco Jara. Foto: Carlos Ozório

Num natal triste para o mundo das lutas, o treinador Marco Jara foi assassinado no Rio de Janeiro, no dia 24 de dezembro, quando viajava para Angra dos Reis com um amigo americano. Depois de parar na estrada para pegar um objeto na mala do carro, que pertencia ao amigo e ator Luciano Szafir, houve a tentativa de assalto. Jara tentou reagir e acabou baleado e morto, enquanto o amigo, que também foi baleado, foi jogado para fora do carro, mas sobreviveu.

Policiais da 36ª DP (Santa Cruz) prenderam um menor de 17 anos, dentro de um ônibus, na saída da Favela do Aço, na Zona Oeste do Rio, que já teria confessado o crime. Segundo o delegado José de Moraes Ferreira, em reportagem do site G1, através de investigações os policiais chegaram ao menor, que admitiu estar acompanhado de outro adolescente no dia do crime. Houve outro suspeito preso anteriormente, mas tratava-se apenas de um interceptador que estava com objetos roubados das vítimas.   

O menor foi encaminhado à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), no Centro do Rio, e deverá ser apresentado ainda nesta quinta-feira à promotoria da 2ª Vara da Infância e da Juventude.

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article
  1. felipe amorim at 7:18 pm

    apresentado à promotoria, mas e daí….. quando fizer 18 anos sai com a ficha limpa, como uma pessoa normal que nunca assassinou alguém, isso é um tapa na cara de todo o mundo das lutas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *