Canto recebe o “faixa-preta” Lula no Instituto Reação

Share it

A última segunda-feira, dia 8, foi histórica para o Instituto Reação, projeto comandado pelo faixa-preta de judô e Jiu-Jitsu Flávio Canto. Depois de quase 10 anos de trabalho social na Rocinha, o projeto ganhou instalações de altíssimo nível no complexo do PAC Rocinha (Programa de Aceleração do Crescimento). O centro esportivo de 15 mil m2 vai oferecer, além do judô e Jiu-Jitsu, vôlei, natação e futebol, entre outros esportes. A nova sede do Instituto Reação será num prédio de três andares, com salas para o programa de educação, assistência social para pais e alunos, além de um dojô de 300m2.

“A nova sede do Instituto Reação ficou ainda melhor do que eu sonhava. É uma honra para nós recebermos a responsabilidade de utilizar estas instalações da melhor forma possível tanto no esporte quanto na educação. Estamos na fase de captação do projeto de ICMS, que já está aprovado, para podermos equipar o espaço. A partir de então, a ideia imediata é duplicar o numero de alunos, chegando a 500 só neste pólo”, comenta Flávio Canto, diretor-presidente do Instituto Reação.

Presidente Lula visitou as instalações e recebeu do aluno Matheus um kimono personalizado. O governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes também foram homenageados.

Para encerrar o dia inesquecível do Instituto Reação, o treino inaugural foi em grande estilo, com a presença de aproximadamente cem lutadores com alunos do projeto, a seleção do Rio de Judô, a seleção do exército, atletas e ex-atletas da seleção, medalhista olímpicos e mundiais, além de campeões pan-americanos e sul-americanos. Sebastian Pereira, João Gabriel Schlittler, Hugo Pessanha, Leonardo Leite, Marcelo Contini, Mario Sabino e Fálvio Miyata marcaram presença, além, claro, do medalhista olímpico Flávio Canto, idealizador do projeto, e dos professores Geraldo Bernardes, coordenador do programa Reação Olímpico, do técnico da seleção do Rio Jucimar Costa e do Major Calixto, técnico da seleção militar.

“O treino do novo espaço do Reação contou com a presença de nomes consagrados do judô nacional ao lado das futuras promessas e algumas delas já realizadas. A ideia é que façamos sempre este tipo de treino inspirando estes futuros campeões”, completa Canto.

Confira as imagens da festa:

[flickr set=72157623592463850]

Ler matéria completa Read more
There are 10 comments for this article
  1. BRAZUCAS at 3:17 pm

    q animal q ficou o centro
    so pelas fotos ja da p imaginar.

    se me falassem q era p o jiu jitsu teria certeza q seria mentira.

  2. Claudio Monteiro at 4:27 pm

    Gostaria de saber quem deu a faixa preta para o Flavio Canto…. a faixa é reconhecida pela CBJJ ou alguma federação?
    Ele é faixa preta de judo, não podemos misturar as coisas, só porque ele é olimpico, ou treina duro, e é um excelente lutador, que pode usar o titulo de professor de jiu-jitsu, agora todo munndo quer ser professor de jiu-jitsu… assim é muito facil e injusto com muitos que correram atras da forma correta.

  3. Little at 5:00 pm

    Se não me engano, ele treinou muito com o Paulo Caruso, Osvaldo Alves e até na Carlson Gracie. Foi campeão brasileiro também na faixa-roxa, pela CBJJ, se não me engano também. Mas não sei quem deu a preta a ele. Entretanto, tenho certeza que ele recebeu por méritos e sabe muito Jiu-Jitsu.

  4. Thatianne Freitas at 11:50 am

    Participei do treino de judô no novo espaço do Reação e apareci na foto.Valeu Flavio Canto! Espero poder participar de outros treinos.

  5. Wilson Xavier at 1:50 pm

    O Flávio Canto está de parabéns! E ele é faixa de preta de jiu-jitsu de altissimo nivel, já o vi finalizando caras que chamamos de “Top”, num treino lá no ginásio do Ibirapuera. Abraços.

  6. Lucio Ravena at 9:17 pm

    Se ele é faixa preta de Jj porque nunca mais lutou nem uma competição, parou na roxa, seria bom ver ele lutando contra o roger…

  7. isaias moraes at 5:29 pm

    muito legal o instituto receber investimentos, porem o nosso presidente tem sido “faixa coral” sinalizar contra os direitos civis-defendeu criminosos de consciencia em Cuba,ja esqueceu que ele foi preso politico(muito bem tratado por sinal) nos anos 70, e ainda quer empurrar goela abaixo um projeto que lembro o classico AI5. Vamos ficar alerta!!!

  8. isaias moraes at 5:32 pm

    Flavio Canto é mestre mas contra o gigante Roger Graice nao tem jeito nao rsrs vamos aguardar um gigante japones para enfrenta-lo no pano ou no ADCC

Deixe uma resposta para Luca Atalla Cancel comment reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *