Strikeforce: Cyborg mantém o título e Nick Diaz fatura cinturão

Share it

Cris castiga Marloes Coenen. Foto: Esther Lin

Dois títulos do Strikeforce foram decididos neste sábado, em Miami, nos Estados Unidos. Na principal luta da noite, Nick Diaz bateu Marius Zaromskis e garantiu o título de meio-médios, que estava vago. Já Cris Cyborg defendia pela primeira vez o cinturão feminino da organização. A representante da Chute Boxe se saiu bem contra Marloes Coenen.   

Nick Diaz faturou o cinturão . Foto: Esther Lin

Apesar de treinar Jiu-Jitsu com Cesar Gracie, a vitória de Diaz foi por nocaute técnico, antes do fim do round inicial. Cyborg teve um pouco mais de trabalho. O triunfo, que foi o nono seguido, veio com um nocaute técnico na terceira parcial. 

Em outra luta muito aguardada, Robbie Lawler surpreendeu e venceu rapidamente Melvin Manhoef. Conhecido pelos nocautes, tendo vencido assim em 23 dos 24 triunfos, dessa vez Manhoef provou do próprio remédio. Foi nocauteado no primeiro assalto. 

Árbitro separa Lawler, com Manhoef caido ao chão. Foto: Esther Lin

Confira todos os resultados:

Strikeforce

Miami, Estados Unidos

30 de janeiro de 2010  

Nick Diaz venceu Marius Zaromskis por TKO aos 4min38s do R1
Cris “Cyborg” Santos venceu Marloes Coenen por TKO aos 3min40s do R3
Herschel Walker venceu Greg Nagy por TKO aos 2min17s do R3 
Robbie Lawler venceu Melvin Manhoef por KO aos 3min33s do R1
Bobby Lashley venceu Wes Sims por TKO aos 2min06s do R1
Jay Hieron venceu Joe Riggs por decisão unânime

Michael Byrnes venceu David Zitnik por decisão marjoritária
Joe Ray venceu John Clarke por TKO aos 3min14s do R1
David Gomez venceu Craig Oxley por decisão unânime
Pablo Alfonso finalizou Marcos DaMatta com um armlock aos 1min47s do R1
Hayder Hassan venceu Ryan Keenan por ko aos 2min42s do R2
John Kelly finalizou Sabah Homasi com um mata-leão aos 2min48s do R2
 

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *