Grandes clássicos: Tererê x Pé de Pano

Share it

Uma das rivalidades mais divertidas no Jiu-Jitsu, em todos os tempos, foi essa entre o peso médio Fernando Augusto “Tererê” e o pesado Marcio Cruz “Pé de Pano”, garotos criados em favelas cariocas que graças ao esporte ganharam nome, respeito e diversos fãs no mundo todo.

E que também ganhavam um do outro, como nesta final do Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu de 2001, no absoluto da faixa-preta. Prepare a pipoca e ajeite-se na poltrona para este lutaço.

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. felipe amorim at 11:40 am

    É PRECISO QUE O MUNDO DAS LUTAS, HOJE MAIS DO QUE NUNCA, VENHAM COM MATÉRIAS SOBRE FORMAS DE PREVENÇÃO AO USO DE DROGAS,BUSCANDO INCLUSIVE DE AUTORES NO ASSUNTO DE RENOME, COMO POR EXEMPLO, ICAMI TIBA, PORQUE É TRISTE VER O QUE ACONTECEU COM O TERERÊ, SEM MENCIONAR OUTROS NOMES DO ESPORTE QUE SE FORAM DE FORMA TÃO TRÁGICA E PRECOCE. JÁ PASSOU DA HORA DE TIRARMOS O MANTO DA HIPOCRISIA, E ADMITIR-ANTES TARDE DO QUE NUNCA-, QUE ESSE FLAGELO VEM ATINGINDO CADA VEZ MAIS O ESPORTE. FORTE ABRAÇO À TODOS DA EQUIPE GRACIE “FOREVER” MAGAZINE.

  2. Claudio Seabra at 2:22 pm

    Tererê é uma das lendas do jiu-jitsu e, com muita vontade, ainda poderá brilhar nesse esporte. É triste ver um atleta dessa categoria vivendo os momentos difíceis que hoje vive.
    Ele é mais uma prova viva do bem que o jiu-jitsu é capaz de fazer, não só esportiva, mas socialmente às pessoas.
    Infelizmente, seu caminho foi cortado por circunstâncias alheias e conflitantes com esporte.
    Esperamos, quem sabe, vê-lo recuperado, treinando e dando a todos um exemplo da imensa força do jiu-jitsu e a contribuição que o esporte é capaz de dar a todos.
    Grande abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *