Capitão do penta torce por Shogun e Macaco

Share it

Cafu abraça Maldonado. Foto: Carlos Ozório

Cafu abraça Maldonado. Foto: Carlos Ozório

Capitão da Seleção Brasileira de futebol no pentacampeonato, na Copa da Ásia, em 2002, Cafu é mais um fã das artes marciais. O lateral direito, que também fez história no Milan, foi uma das surpresas do Bitetti Combat. Convidado pela organização, entrou no octagon e posou para fotos com os lutadores, além de entregar o troféu a Fabio Maldonado.

Em rápida conversa com o GRACIEMAG.com, disse: “Curto muito as lutas. Já estive, inclusive, no K-1, lá no Japão.”

Nas horas vagas, Cafu não deixa de assistir a uma boa luta. Está sempre na torcida pelos gladiadores tupiniquins, mas não esconde que torce para alguns em especial.

“Gosto de todos os brasileiros, mas, principalmente, do Macaco e do Shogun”, finaliza.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *