Bitetti Combat: organizadores comentam o que vem por aí

Share it
Fernando e Amaury com Murilo Ninja, uma das atrações do show / Foto: Carlos Ozório

Fernando e Amaury com Murilo Ninja, uma das atrações do show / Foto: Carlos Ozório

A organização do Bitetti Combat finaliza os preparos para o evento, que acontece neste sábado, em Barueri (SP). Feras como Murilo Ninja e Paulo Filho, entre muitos outros, estarão em ação. Promotores do show, Amaury Bitetti e Fernando Miranda comentam sobre o que vem por aí:  

Como está o trabalho final para o evento? 

Amaury Bitetti – Está indo tudo muito bem. Os lutadores estrangeiros já estão vindo para o Brasil, eles vêm do Japão, Holanda e Estados Unidos. Estamos nos últimos preparativos e será novamente um grande evento. 

Depois do Maracanãzinho, esta edição em Barueri. Haverá mais eventos? 

Fernando Miranda – Sim, e estamos muito contentes por isso. Já temos eventos marcados para Brasília, Acre, Amazonas, Paraná e Minas Gerais. Além disso, o evento do Maracanãzinho, no Rio, e o em Barueri, estão confirmados por quatro anos. 

E fora do Brasil. Existe a possibilidade de eventos no exterior? 

Fernando Miranda – Também trabalhamos para isso. O Bitetti Combat está bem falado lá fora, até o Dana White (presidente do UFC) falou que o Bitetti está arrebentando no Brasil numa conversa com um empresário que é nosso amigo. Recebemos propostas da Argentina e Venezuela e, se tudo der certo, também pode rolar em Miami. Mas isso é mais para frente. Queremos fortalecer o evento primeiro aqui no Brasil.   

Vocês conseguiram apoio da prefeitura de Barueri, do Governo do Rio, do Governo Federal. O que acha dessa virada para o MMA?  

Amaury Bitetti – Isso só mostra o crescimento e a força do esporte. Não existe mais aquela imagem negativa. O vale tudo foi injustiçado por muito tempo. Imagina se fossemos sacrificar o futebol, que é o esporte em que vemos mais brigas e confusão. Não existe isso. Acho que essa imagem mudou, até porque é enorme o potencial das lutas no Brasil e o número de praticantes é grande em todas as esferas. Por exemplo, o filho do prefeito de Barueri, Rubens Furlan Junior, é faixa-roxa de Jiu-Jitsu. No Rio, o Marco Antônio Cabral, filho do governador, também é um praticante. A luta está em todos os lugares, e de forma positiva.

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *