Romero comenta “treino violento” de Cobrinha para ADCC

Share it

Jacaré treinando com Cobrinha (por baixo). Foto: Divulgação / Alliance Atlanta

Os médicos foram categóricos em vetar Romero Cavalcanti, o Jacaré, de retornar aos treinos de Jiu-Jitsu por pelo menos cinco meses, mas o líder da Alliance fez questão de vestir o kimono três dias atrás. As quatro pontes de safena só o deixaram mais forte.

Sentadinho, corrigindo os alunos de quando em quando, respeitando o corpo e as recomendações da medicina, Romero voltou esta semana a observar os treinos do time em Atlanta, na Geórgia. Em bate-papo com o GRACIEMAG.com, falou sobre as estrelas da companhia e diversos tópicos, entre eles os treinos para o ADCC, e, entre uma tirada e outra, filosofou sobre a vida terrena: “A vida é isso. Até sermos chamados lá para cima, o importante é ter saúde e cumprir com paixão nossa missão aqui na Terra”.

COBRINHA
Ele é um garoto de ouro, e na minha ausência por problemas médicos segurou todos os treinos fazendo um grande trabalho. Não deixou a peteca cair, segurou todos os treinos com e sem kimono e agora estou retornando, aos poucos, para supervisionar os treinos com kimono. Como estou aqui há 15 anos a coisa funciona bem na minha ausência. E o Cobrinha não deixou que essa carga a mais impedisse seus treinos para o ADCC. Ele está fazendo um treino violento aqui, e ficando pronto para arrebentar em Barcelona. Chamei um ex-aluno meu que hoje é faixa-preta do Renzo, o Paul, que é um wrestler sensacional, e ele está afiando as quedas do Cobrinha.

ALLIANCE NO ADCC
Além do Cobrinha, estamos trabalhando para que o Chris Moriarty retorne ao evento, ele que venceu duas lutas na edição passada, em 2007. Ele também está muito bem e treinando muito. Mas o time vai forte, sem sombra de dúvida.

NOVAS FAIXAS
Nesse Mundial 2009 o time aqui da Geórgia contribuiu com quase 40 pontos para a conquista da Alliance, um recorde do pessoal. Sinal do bom trabalho, mas por enquanto não houve muitas mudanças de faixa – por exemplo, o Ian McPherson foi campeão mundial na marrom e terceiro no absoluto, mas por ser ainda novo, um garoto, vai ficar mais um pouquinho na faixa, que afinal ele ganhou faz pouco tempo. Do mesmo modo, o Alec Baulding que foi prata e fez uma bonita campanha na roxa também ainda não recebeu a marrom. Então houve algumas mudanças de faixa, mas só entre o pessoal menos graduado.

CORAÇÃO
Eu estava dando um treino mais forte aqui com o Cobrinha em julho quando comecei a me sentir um pouco mal. Acabei indo ao hopital onde recebi quatro pontes de safena. Mas agora está tudo indo bem, vou melhorando devagarzinho, cada dia pacientemente depois do outro. A vida é isso. Até sermos chamados finalmente lá para cima, o importante é ter saúde e cumprir com paixão nossa missão aqui na Terra.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *