Atleta do Jiu-Jitsu e famoso chef da TV, Anthony Bourdain morre aos 61 anos

Share it

Bourdain após a receber a faixa-azul do professor Igor Gracie. Foto: Reprodução

Chef de cozinha, escritor, apresentador de TV e ferrenho faixa-azul de Jiu-Jitsu, Anthony Bourdain nos deixou nesta sexta-feira, dia 8 de junho, aos 61 anos. Anthony foi encontrado morto nas primeiras horas do dia em um quarto de hotel, na França, onde gravaria mais um episódio do seu programa “Parts Unknow.” A CNN, canal de TV americano no qual Anthony trabalhava, informou que a causa da morte foi suicídio.

Anthony era um apaixonado pelo nosso Jiu-Jitsu. Ele começou no esporte em 2013, por intermédio da esposa competidora Ottavia Bourdain, e recebeu a faixa-azul de Jiu-Jitsu do professor Igor Gracie, que disse em conversa com GRACIEMAG que Anthony havia treinado normalmente na semana passada, em três oportunidades que compareceu na Renzo Gracie Academy, em Nova York. “Aparentava estar muito bem”, disse Igor.

Contudo, o que fica para nós da memória de Anthony Bourdain era a do atleta que se apaixonou de forma arrebatadora pelo esporte, com momentos marcantes, como o mesmo disse em entrevista.

“Recebi minha faixa-azul depois de mais de dois anos de treinamento”, disse Anthony.  “Tirando o nascimento de minha filha , esse foi o melhor dia da minha vida. Essa faixa não significa que eu sou bom de Jiu-Jitsu, significa apenas que eu trabalhei muito, muito duro em alguma coisa. Todos os dias que estou em casa, em Nova York, vou para a Renzo Gracie Academy e coloco o meu kimono. Faço quatro rounds de cinco minutos com 60 segundos de intervalo. Invariavelmente eu não “ganho” esses rounds, ou seja, eu não finalizo ninguém. Em vez disso, eu luto tão duro o quanto eu puder para adiar o inevitável, que é ser finalizado. A cada segundo, a cada minuto que eu posso impedir que isso aconteça é uma vitória para mim. É como ser o mais novo, pior cozinheiro na cozinha novamente.”

Relembre no vídeo abaixo a atuação de Anthony Bourdain, campeão no Jiu-Jitsu e nas cozinhas.

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *