Abu Dhabi Grand Slam de Jiu-Jitsu: Os finalistas da faixa-preta no Rio de Janeiro

Share it

Patrick Gáudio superou Xande Ribeiro na decisão dos árbitros para avançar à final até 94kg. Foto: Carlos Arthur Jr.

Nem mesmo o dia cinza e chuvoso na Cidade Maravilhosa espantou os fãs que estavam sedentos para conferir as emoções do Abu Dhabi Grand Slam de Jiu-Jitsu. A Arena Carioca 1 no Parque Olímpico do Rio de Janeiro recebeu, nesse sábado, dia 11 de novembro, os duelos na faixa-preta e marrom.

Após os animados combates entre os futuros professores da arte suave, era chegada a hora da elite do Jiu-Jitsu mundial adentrar as nove áreas montadas na arena. Entre os favoritos, nomes famosos como Xande Ribeiro, Celsinho Venicius e Fernandinho Vieira acabaram no caminho antes de chegarem nas finais, que rolam neste domingo, dia 12, ao vivo no Combate.

Feras como João Miyao, Igor Silva, Isaque Bahiense, Patrick Gáudio e Hugo Marques fizeram bonito no sábado e garantiram vaga nas finais de domingo. Entre as mulheres, Bia Mesquita, Ana Carolina Vieira, Bia Basílio e Cláudia do Val voltam no último dia de evento para lutar em busca do ouro.

Outro destaque para este domingo fica por conta da superluta do Abu Dhabi Legends, entre os ex-atletas do UFC Carlão Barreto (Carlson Gracie) e Rafael Carino (Nova União).

Na divisão de masters, nosso GMI Rogério Poggio (Infight) garantiu o ouro no master 4 até 77kg. Cristiano “Titi”, da BH Rhinos, garantiu seu lugar na final do master 1 até 94kg contra Rubens Pedro (NS Brotherhood), enquanto Cláudio Caloquinha e Sérgio Beninni, dupla da GMI Gracie Barra BH, se encontraram na semifinal do master 1 até 77kg. Caloquinha avançou e enfrenta Sandro Veira (CTA) na final.
Outros GMIs que fizeram bonito na faixa-preta master foram os cascas-grossas Carlos Holanda (Carlos Holanda JJ), Arthur Gogó (GFTeam Cascadura), Alberto Ramos (GFTeam Cachambi) e Sérgio Capella (Laranjeiras Club).

Confira abaixo os finalistas na faixa-preta adulto que entram em ação hoje, no último dia de Abu Dhabi Grand Slam do Rio!

Masculino

56kg – José Carlos Lima (GFTeam) x David Herrera (Soul Fighters)
62kg – João Miyao (Cícero Costha) x Hiago Goerge (Cícero Costha)
69kg – Rafael Mansur (NS Brotherhood) x João Gonçalves (Alliance)
77kg – Hugo Marques (Soul Fighters) x Ricardo Lima (NS Brotherhood)
85kg – Isaque Bahiense (Alliance) x Gustavo “Braguinha” (NS Brotherhood)
94kg – Guilherme Santos (Alliance) x Patrick Gaudio (GFTeam)
110kg – Igor Silva (Commando Group) x Gerard Labinski (NS Brotherhood)

Feminino

49kg – Mayssa Bastos ficou com o ouro (sem oponentes na chave)
55kg – Amanda Nogueira (GFTeam) x Mayara Abraão (GFTeam)
62kg – Bia Mesquita (Gracie Hmaitá) x Bia Basílio (Almeida JJ)
70kg – Ana Carolina Vieira (GFTeam) x Thamara Silva (Cícero Costha)
90kg – Cláudia do Val(De la Riva) x Heloisa Ferreira (Alliance)

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article
  1. André at 3:00 am

    Parabéns ao Xande! Só mostra o quão bom ele é, estar lutando de igual com esses caras, com sua idade, estrada (facilita mapeamento de jogo) e perdendo em critério subjetivo de arbitragem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *