Efeito Paolla Oliveira: Jiu-Jitsu na novela atraiu mais mulheres às academias

Share it

Rafael BBzão com sua turma feminina no CT Rio Fight. Foto: Arquivo pessoal.

A popularização dos esportes de combate nas séries, filmes e telenovelas há décadas estimula a procura por academias, e este ano as escolas de Jiu-Jitsu puderam experimentar semelhante fenômeno.

Na novela “A força do querer”, de Glória Perez, a personagem principal foi uma faixa-preta de Jiu-Jitsu e atleta de MMA, vivida pela atriz Paolla Oliveira e inspirada na lutadora Érica Paes. Graças à personagem Jeiza, muitas mulheres perderam o medo de ingressar na arte suave – a começar pela própria Paolla, que começou a treinar em outubro de 2016 para o papel e se apaixonou pela arte suave.

O crescimento do Jiu-Jitsu feminino foi tamanho este ano que muitas academias decidiram criar novas turmas apenas para mulheres. Caso do nosso GMI Rafael BBzão, professor da GFTeam Pechincha:

“Abrimos recentemente uma turma só para mulheres”, diz Rafael. “Além das aulas mistas todos os dias, garantimos um horário apenas para o público feminino terças e quintas, às 19h30. Tivemos um aumento bom na procura por parte das mulheres, e penso que as turmas femininas ajudam muito no crescimento do nosso esporte.”

O professor e lutador da GFTeam destaca a vontade do mulheril nos treinos:

“Elas são muito aguerridas, não gostam de perder nem no treino. Existe uma vaidade e um espírito de disputa muito forte, mas só na hora do treino. A união da equipe é muito boa.”

E na sua academia, amigo leitor? Já há turmas apenas femininas? Poste nos comentários!

Chegou a revista digital GRACIEMAG. Clique abaixo e leia no seu celular!

Assine GRACIEMAG já, no seu celular!

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *