UFC 216: a apoteose das chaves e do Jiu-Jitsu

Share it

Demetrious Johnson com seu armlock campeão. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

A cidade de Las Vegas recebeu neste sábado, dia 7 de outubro, o UFC 216, mas quem fez a festa foram os fãs do Jiu-Jitsu. Das cinco lutas programadas para o card principal, quatro delas terminaram por finalização, duas dessas em combates decisivos que valiam cinturão.

Veja abaixo as transições e as finalizações do card principal e estude com o MMA para melhorar o seu jogo no Jiu-Jitsu!

Mara Borella x Kalindra Faria

Em duelo de estreantes no UFC, a italiana Mara Borella encarou a brasileira Kalindra Faria. O duelo não se estendeu muito, já que Mara, ainda nos primeiros minutos do combate, ganhou as costas de Kalindra e de lá buscou o ajuste fino para apertar no mata-leão.

.
.
Fabrício Werdum x Walt Harris

Situação complicada para Werdum em sua luta no UFC 216. Originalmente escalado para encarar Derrick Lewis, que deixou o combate pouca horas antes do card por conta de lesão, o brasileiro quase ficou sem lutar. Contudo, o americano Walt Harris foi promovido de última hora e encarou o ex-campeão peso pesado.

“Meu empresário me avisou no quarto”, disse Werdum. “Eu achei que ficaria sem luta. Minutos depois ele disse que poderia ser o Harris. Eu aceitei, vi uma luta dele no caminho até o ginásio e meus treinadores disseram para eu encurtar e finalizar.”

Obediente, Fabrício levou a luta para o chão, estabilizou bem por cima, pegou as costas e surpreendeu com uma bela transição para o armlock no primeiro minuto de luta.

.
.

Demetrius Johnson x Ray Borg

Luta histórica na carreira de DJ. Com o sucesso, além de defender o cinturão peso-mosca, o americano se colocaria com mais defesas de título que Anderson Silva, superando assim o recorde do brasileiro. Ray Borg era o adversário designado para estragar a festa, mas Demetrious mais uma vez mostrou por que é considerado o melhor atleta peso por peso do Ultimate.

Foram quatro assaltos de controle absoluto, com variações constantes para golpear Borg. No quinto round, mesmo com a luta ganha, DJ partiu para definir com o Jiu-Jitsu: o campeão cinturou pelas costas, arremessou Borg para o alto como se fosse quedar no suplê e, com Ray ainda no alto, laçou o braço e finalizou no armlock para delírio dos fãs.

.
.

Tony Ferguson x Kevin Lee

Luta principal cercada de expectativa, Ferguson x Lee foi de fato um grande duelo. O combate começou com pressão de Lee, ao aplicar golpes duros na trocação. Ferguson, por sua vez, fez belos ataques no solo, todos com boa defesa de Lee, que teve as melhores quedas.

No terceiro dos cinco assaltos, já que a luta valia o cinturão interinos dos leves, Ferguson mais uma vez atacou no triângulo, mas agora com melhor refino no ajuste. O aluno de Eddie Bravo não deixou Kevin escapar e conseguiu tirar os três tapinhas do oponente. Agora, Ferguson aguarda por Conor McGregor, campeão linear da divisão.

.
.
E para você, amigo leitor, qual foi a melhor finalização desta noite recheada no UFC 216? Poste nos comentários!

UFC 216
T-Mobile Arena, Las Vegas, NV
7 de outubro de 2017

Tony Ferguson finalizou Kevin Lee no triângulo aos 4min02s do R3
Demetrious Johnson finalizou Ray Borg no armlock aos 3min15s do R5
Fabrício Werdum finalizou Walt Harris no armlock a 1min05s do R1
Mara Romero Borella finalizou Kalindra Faria no mata-leão aos 2min54s do R1
Beneil Dariush x Evan Dunham foi declarado como empate majoritário

Card preliminar

Cody Stamann venceu Tom Duquesnoy na decisão dividida dos jurados
Lando Vannata x Bobby Green foi declarado como empate
Poliana Botelho venceu Pearl Gonzalez na decisão unânime dos jurados
Matt Schnell venceu Marco Beltrán na decisão unânime dos jurados
John Moraga nocauteou Magomed Bibulatov pa 1min38s do R1
Brad Tavares venceu Thales Leites na decisão unânime dos jurados

Chegou a revista digital GRACIEMAG. Clique abaixo e leia no seu celular!

Assine GRACIEMAG já, no seu celular!

Ler matéria completa Read more
There are 2 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *