Cartas da Finlândia – O dia da luta

Share it

Helsinque, 24 de setembro de 2017

É manhã de domingo aqui na linda Finlândia, e logo estarei a caminho da Arena Metropolitana de Espoo, onde tenho um encontro marcado com Sanae Kikuta, um amigo de longa data.

Sexta-feira de noite, eu estava conversando com um grupo de amigos pelo WhatsApp, e me perguntaram o que estava fazendo.

Brinquei: “Estou sozinho aqui; tá todo mundo entocado, com medo de amanhã”.

Lembro que, quando eu era bem jovem, fui convidado pra falar numa faculdade ao lado de especialistas de vários campos.

Colocaram a gente num palco. A cortina estava fechada, e faltava um minuto para que a abrissem.

Eu estava nervosíssimo.

Lembro que em dado momento eu pensei:

“Por que eu estou nervoso?”

Aí comecei a falar sozinho:

“Ninguém no mundo tem o conhecimento nem o domínio que tenho sobre o assunto de que vou falar. Sou o melhor do mundo nisto. Por que é que estou nervoso?”

Então, quando abriram a cortina, eu estava completamente relaxado.

Depois, muita gente veio me dizer que eu tinha sido o melhor palestrante da noite.

Toda essa confiança vem de treinar duro e entender que a competição nada mais é que um teste.

É igual a quando você estuda matemática e depois faz uma prova pra ver quão aguçado está o teu conhecimento.

Então, ficar nervoso pra quê?

Na verdade, espero que, em poucas horas, eu encare um Kikuta em sua melhor forma física, de modo que este teste valha todo aquele suor e o tanto que quebramos a cabeça naqueles tatames azuis e cinza.

Te vejo na arena.

Renzo Gracie

P.S. 1: Você encontra os vídeos com o tema de “dia da luta” e “mentalidade de competição” no módulo 17 de “Renzo Gracie: Dominando o Jiu-Jitsu”, o curso on-line da Gallerr Academy que tem um preço especial de R$ 60 até a meia-noite de hoje. [ATUALIZADO] Oferta estendida até a meia noite desta sexta-feira, 29 de setembro.

P.S. 2: Inscrevendo-se agora, você vai poder não só ver 225 vídeos com o meu conhecimento, mas também vai concorrer à rash guard que vou usar na luta, autografada.

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *