Confira 4 dicas de Renzo Gracie e aprenda ainda mais com o professor de Jiu-Jitsu

Share it

Renzo Gracie em foto de Luca Atalla.

Renzo Gracie, dono de uma essência guerreira invejável, já disparou incontáveis pérolas sobre o Jiu-Jitsu e as lutas em geral, sempre com bom humor. Sua visão simples e ao mesmo tempo impensável, até o momento que ele a revela, se compara ao desembaralhar de um emaranhado de fios na facilidade de um simples nó.

Separamos nossas dicas preferidas para que você, leitor de GRACIEMAG, possa beber desta fonte de conhecimento e lembrar dos ensinamentos de Renzo Gracie no seu próximo treino, campeonato, ou mesmo no seu dia a dia.

Confira as dicas do professor e para aprender mais com a fera, não perca a oportunidade de fazer parte do grande seminário de Renzo Gracie no Rio de Janeiro.

Acesse o Gallerr.com/seminario e garanta sua vaga para absorver tudo que você sempre sonhou sobre as posições e filosofias da arte suave com Renzo Gracie!

Não recuar jamais

“O lutador tem que ter sangue no olho. Volta e meia as coisas apertam num ringue, e é aí que você realmente revela a sua coragem. Mesmo exausto você deve continuar indo pra cima. O nome disso é vontade, e isso ou você tem ou você não tem. O ser humano pode agir assim diante de um desafio. Cansado, morto, mas sempre indo para a frente. Isso é um preceito fantástico para um lutador, é só ele querer.”

Faça do Jiu-Jitsu o seu foco

“Todo lutador de Jiu-Jitsu que se torne referência no esporte pode ser campeão no que ele quiser. Não existe nada mais desafiador do que o nosso esporte. Se você colocar a cabeça e coração na direção certa, terá todas as armas para vencer.”

Abrace seu lunático interior

“Nós estrangulamos as pessoas, e fazemos isso pelo nosso sustento. Isso é o que somos. Tudo que nós temos que fazer é abraçar o nosso lunático interior. Aí é diversão garantida para todo o resto dessa doce vida.”

Preze a evolução do Jiu-Jitsu

“Eu sou um amante desse sistema de luta e autodefesa e sinceramente não me importo onde o Jiu-Jitsu evolui, onde ele recebe a atenção que julgamos que ele merece.”

Ler matéria completa Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *