Brigão é banido do UFC

Share it

Dana White não poupou Daley. Foto: Josh Hedges

Apesar de uma disputa de cinturão eletrizante entre Maurício Shogun e Lyoto Machida, um momento lamentável marcou o UFC 113, neste sábado, no Canadá. Depois de levar um atraso do polêmico Josh Koscheck, Paul Daley perdeu a cabeça e agrediu o oponente quando a luta já havia terminado. E a punição não poderia ser pior.

“Ele nunca mais vai voltar aqui. Não tem desculpa uma coisa dessas. Acho que é uma das coisas mais estúpidas que já vi, porque ele é um cara talentoso, um dos melhores do mundo na sua categoria”, esbravejou Dana White, presidente da organização.

Um caso parecido aconteceu com Renato Babalu. Segundo interpretou o Ultimate, o brasileiro continuou apertando o estrangulamento em David Heath, no UFC 74. Heath dormiu e Babalu foi afastado.

Ler matéria completa Read more
  • isaias moraes

    otimo exemplo profissional !!!!! banir os mal perdedores…se o JJ imitasse o exemplo, muitos estariam fora, deixando uma cara melhor ao esporte.

  • zezinho magalhães

    Esse Dana White é realmente um cara de um caráter muito bom, pois se cada derrotado reslver sair dando murro nos campeões depois da luta vai virar uma zona, parabéns Dana.

  • Ricardo

    PArabens, se no JJ fosse assim, caras sem escrupulos, que mancham o nosso esporte como o BRAGA NETO que abaixou as calças estariam expulsos, e nosso esporte seria melhor visto, por isso que o MMA com menos tempo de existencia ja é esse esporte profissional e o nosso amador, por que existe muita parcialidade em punir um cara desse que luta bem mas é um pessimo esportista.

    • Carlos Eduardo Ozório

      O Daley foi banido do UFC, mas poderá lutar em diversas outras organizações. Cabe à entidade onde lutou o atleta que você usou como exemplo e fez tal coisa punir ou não.