Brigão é banido do UFC

Share it

Dana White não poupou Daley. Foto: Josh Hedges

Apesar de uma disputa de cinturão eletrizante entre Maurício Shogun e Lyoto Machida, um momento lamentável marcou o UFC 113, neste sábado, no Canadá. Depois de levar um atraso do polêmico Josh Koscheck, Paul Daley perdeu a cabeça e agrediu o oponente quando a luta já havia terminado. E a punição não poderia ser pior.

“Ele nunca mais vai voltar aqui. Não tem desculpa uma coisa dessas. Acho que é uma das coisas mais estúpidas que já vi, porque ele é um cara talentoso, um dos melhores do mundo na sua categoria”, esbravejou Dana White, presidente da organização.

Um caso parecido aconteceu com Renato Babalu. Segundo interpretou o Ultimate, o brasileiro continuou apertando o estrangulamento em David Heath, no UFC 74. Heath dormiu e Babalu foi afastado.

Ler matéria completa Read more
There are 4 comments for this article
  1. isaias moraes at 9:02 pm

    otimo exemplo profissional !!!!! banir os mal perdedores…se o JJ imitasse o exemplo, muitos estariam fora, deixando uma cara melhor ao esporte.

  2. zezinho magalhães at 11:21 pm

    Esse Dana White é realmente um cara de um caráter muito bom, pois se cada derrotado reslver sair dando murro nos campeões depois da luta vai virar uma zona, parabéns Dana.

  3. Ricardo at 11:40 am

    PArabens, se no JJ fosse assim, caras sem escrupulos, que mancham o nosso esporte como o BRAGA NETO que abaixou as calças estariam expulsos, e nosso esporte seria melhor visto, por isso que o MMA com menos tempo de existencia ja é esse esporte profissional e o nosso amador, por que existe muita parcialidade em punir um cara desse que luta bem mas é um pessimo esportista.

    • Carlos Eduardo Ozório at 12:51 pm

      O Daley foi banido do UFC, mas poderá lutar em diversas outras organizações. Cabe à entidade onde lutou o atleta que você usou como exemplo e fez tal coisa punir ou não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *